FireTongues

Quanto tempo leva para aprender inglês?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Há um consenso sobre a importância da fluência em inglês para a vida das pessoas, seja para crescimento profissional, projeto pessoal ou até mesmo para gargar uma carreira acadêmica em níveis maiores fora ou dentro do nosso país.

Essas necessidades sempre existiram, mas grande parte das pessoas só se atentam a elas quando mais precisam: diante de uma viagem imprevista, uma oportunidade imediata de promoção no trabalho ou uma bolsa de estudos em um país estrangeiro, por exemplos.

É exatamente nessa fase de urgência que as pessoas começam a questionar quanto tempo leva para aprender inglês. Será que conseguimos sair de um nível básico e alcançar um nível intermediário ou avançado em poucos meses? Ou será que a jornada da fluência em inglês é mais longa?

Para esclarecer essa dúvida e dar mais alguns detalhes sobre esse processo, elaboramos esse post bem completo para te ajudar. Vamos lá?

Qual é o diferencial em saber falar inglês?

Que o idioma é importante, isso está bem claro. Porém, será mesmo que precisamos tratar o aprendizado do idioma chave do mundo com urgência e pressa?

A resposta é SIM! Falar inglês sempre foi um grande diferencial para o currículo e para o nosso próprio marketing pessoal. Porém, no Brasil, as pessoas focaram muito em aprender o básico do idioma para adquirir o direito de usar essa compentência em sua lista de habilidades.

O que acontece é que o que realmente diferencia uma pessoa que sabe ou não inglês é a sua fluência no idioma. Para que você tenha uma noção, trouxemos algumas vantagens de quem fala inglês em relação aos demais:

  • 1 – Segundo pesquisa da Catho, pessoas que falam inglês têm, em média, um salário 70% maior do que quem não fala;
  • 2 – Quem fala inglês fluente consegue admissão em cursos de mestrado e doutorado em universidades reconhecidas. Até mesmo a USP exige o domínio do idioma para admissões em cursos dessas categorias;
  • 3 – Quem fala inglês têm acesso maior a informações de conteúdos da internet. O maior acervo de conteúdos da rede está em inglês;
  • 4 – O domínio da língua abre portas para trabalhos no exterior, tanto presencialmente, por meio de contratação internacional ou transferência quanto online, atendendo clientes de outros países;
  • Quem fala inglês consegue aproveitar mais suas viagens internacionais, pois a comunicação é chave não apenas em países que falam esse idioma nativamente, como em outros países que têm o inglês como língua estratégica de comunicação.

Qual é a melhor maneira de aprender inglês?

Antes de seguirmos sobre quanto tempo leva para aprender inglês, vamos falar um pouco sobre as maneiras de falar inglês. Será que existe um método mais prático, mais rápido ou mais eficiente? Vamos lá!

Estudar inglês em um curso presencial

Por muitas décadas, as escolas de idiomas dominaramm o cenário de ensino de uma nova língua no Brasil. Inclusive, o nosso pais é um dos que mais tem escolas do gênero no mundo. Isso ocorre porque em muitos países o ensino de inglês ocorre ainda dentro da escola.

Atualmente esse formato tem mudado bastante. Mas ainda assim é possível aprender inglês presencialmente e obter resultados. Porém, um curso presencial possui algumas características que podem dificultar o acesso de muitos alunos, dentre elas, podemos citar:

  • Investimento maior em matrícula, mensalidade e material didático;
  • Horários de aulas limitados;
  • Exige deslocamento até a escola;
  • Caso o aluno falte, pode haver cobrança de reposição.
  • Só é possível assistir determinada aula uma vez.

É preciso ficar atento a esses detalhes, pois iniciar um curso de inglês presencial e depois parar por não conseguir mantê-lo custa tempo e dinheiro.

Acompanhe Mais:

Quanto tempo leva para aprender inglês?

Há um consenso sobre a importância da fluência em inglês para a vida das pessoas, seja para crescimento profissional, projeto pessoal ou até mesmo para

Aprenda inglês agora!

Chegou a hora de vencer esse desafio.